Cerâmica, o que é a terracota, faiança, grés ou porcelana • Ceramics, what is terracotta, earthenware, stoneware or porcelain

Há mais de 25 anos a fazer peças cerâmicas, deparamo-nos frequentemente com alguma falta de conhecimento sobre os diversos produtos cerâmicos existentes no mercado.

A cerâmica, é uma grande família que reúne uma ampla diversidade de produtos e suas respectivas pastas cerâmicas: terracota, faiança, grés e porcelana são apenas algumas das mais usuais. São todos produtos cerâmicos, mas são distintos entre si, apresentando as suas próprias características e implicando diferentes processos de produção.

For more than 25 years working in ceramics, we often find ourselves with a lack of knowledge with the amount ceramic products on the market.

The pottery is a large family, that brings together a wide diversity of products and their respective ceramic pastes: terracotta, earthenware, stoneware and porcelain are just some of the most popular. They are all ceramic products, but they are distinct from each other, presenting their own characteristics and implying different production processes.

Começar pelo princípio: a definição de cerâmica • Start from the beginning: the definition of ceramics

Com origem na palavra grega ‘Keramos’, que significa “arte queimada”, refere-se à arte de produzir objetos artísticos, utilitários ou decorativos, usando como matéria-prima base a argila, num processo em que a pasta é inicialmente conformada e depois cozida a elevadas temperaturas para adquirir resistência, rigidez e cor.  Resumindo: objetos de base argilosa, uma substância mineral que pode ser encontrada na superfície terrestre.

Resultado de inúmeras formações geológicas, existem argilas de várias composições químicas e apresentando aspetos distintos. A maioria delas não está, normalmente, pronta a ser trabalhada, por isso, as argilas são usadas na composição das pastas cerâmicas junto com outras matérias primas para obter as características finais pretendidas.

Por outras palavras, uma pasta “trabalhável” é uma substância obtida a partir da mistura de matérias-primas naturais plásticas, como o caulino ou argila, com outras não-plásticas, como o feldspato ou a areia. O que quer isto dizer em termos práticos? É esta conjugação destas substâncias que fazem da pasta cerâmica uma matéria plástica/moldável, quando húmida e dura/resistente após a sua cozedura.

Diferentes bases de argila, diferentes combinações. É aqui que surgem diversos caminhos: podendo partilhar a mesma base argilosa, a terracota, a faiança, o grés ou a porcelana variam, primeiro, na composição e depois na forma como são produzidas. Variáveis que lhes conferem diferentes características enquanto produto acabado e, por isso, finalidades distintas.

Originating in the Greek the word ‘Keramos’, means ‘burnt art’, the art of producing artistic, utilitarian or decorative objects, using as base raw material, the clay, in a process that the paste is initially shaped and then burned at high temperatures to achieve strength, stiffness and color. Clay is a mineral substance that can be found on the earth’s surface.

Result of numerous geological formations, there are clays of various chemical compositions and presenting different aspects. Most of them are not normally ready to be worked, so the clays are used in the composition of the ceramic pastes along with other raw materials to obtain the desired final characteristics.

In other words, a “workable” paste is a substance obtained from the mixing of natural plastic raw materials, such as kaolin or clay with other non-plastic, such as feldspar or sand. What does this mean in practical terms? It is the conjugation of these substances, that make the ceramic paste plastic/moldable, when wet, and hard/resistant material after its firing.

Different clay bases, different combinations. This is where several paths take place, able to share the same clay base, terracotta, earthenware, stoneware or porcelain, varying first in composition and then the way they are produced. Variables that give them different characteristics as a finished product and, therefore, different purposes.

Relação possível entre a matérias primas e as diferentes pastas/produtos cerâmicos

Possible relationship between raw materials and the different pastes/ceramic products

A influência das propriedades de cada matéria prima na pasta cerâmica: argila gorda origina plasticidade, a argila magra retira plasticidade, o caulino dá a brancura e resistência a alta temperatura, a areia forma o esqueleto, o feldspato é um fundente de alta temperatura, a calcite/dolomite são fundentes de baixa temperatura e o descolorante será um corante azul que vai colorir ligeiramente a pasta.

The influence of the properties of each raw material on the ceramic paste: fat clay (argila gorda) originates plasticity, lean clay (argila magra) removes plasticity, kaolin gives whiteness and resistance at high temperature, sand forms the skeleton, feldspar is a high temperature flux, calcite/dolomite are low temperature fluxes and the bleach will be a blue dye that will color the paste slightly.

Terracota • Terracotta

A terracota é um material de base argilosa, caracteriza-se pela cozedura à volta dos 900°C, após cozedura apresenta uma elevada porosidade e uma cor natural laranja acastanhado.

Os produtos em terracota apresentam uma baixa resistência mecânica e elevada porosidade, necessitando de um acabamento superficial (por exemplo um vidrado) para a tornar impermeável. A sua cor deve-se à elevada quantidade de óxido de ferro na composição da argila usada e podem ser fabricados diversos produtos para a construção, jardinagem, decoração, mas também produtos de mesa, como copos, canecas, pratos e travessas.

Terracotta is a clay-based material, characterized by burning around 900°C, a high porosity and a natural brownish-orange color after burning.

Terracotta products have a low mechanical strength and high porosity, requiring a surface finish (a glaze or a waterproofing product) to render it impermeable. Its color is due to the high amount of iron oxide in the composition of the used clay. Several products can be manufactured, for the construction, gardening, decoration, but also tableware such as cups, mugs, plates and platters.

Faiança, criatividade e tradição sem limites • Faience, creativity and tradition without limits

A faiança, que deve o seu nome à cidade italiana Faenza (centro cerâmico italiano do Renascimento, séculos XV e XVI), precisa de ser vidrada para impedir a absorção de líquidos, coze a temperaturas mais baixas (entre 900°C e 1280°C). Com uma cor acinzentada em cru, que branqueia durante a cozedura, a faiança é uma pasta cujas matérias primas existem em alguma abundância em solo português.

Portanto, com qualidades técnicas superiores à da terracota e mais nobre devido à sua brancura é um produto tradicional português existente nas mesas e no revestimento das paredes das casas dos portugueses (na forma de azulejo) desde o Séc. XVI.

Actualmente, o grande fator diferenciador da faiança, em relação aos outros produtos cerâmicos, assenta na quantidade e variedade de decorações possíveis, cores e texturas que podem ser exploradas.

Cores vibrantes, acabamentos mate/brilhantes, lustrinas metalizadas e iridescentes – um número infinito de possibilidades que transformam produto base em tudo o que se quiser, inclusivamente peças de grande valor acrescentado. É, sem qualquer dúvida, a pasta de eleição tanto para peças decorativas como para peças utilitárias.

The faience (earthenware), owes its name to the Italian city of Faenza (the Italian Renaissance ceramic center, 15th and 16th centuries), needs to be glazed to prevent the absorption of liquids, burning between 900°C and 1280°C. With a greyish color in raw,  bleaches during burning, the faience is a paste whose raw materials exists in abundance in Portuguese soil.

Therefore, with superior technical qualities than terracotta and nobler due to its whiteness, it is a traditional Portuguese product used on the tables and houses wall covering (with the shape of tiles) since the 16th century.

Nowadays, the great factor differentiating of earthenware, in relation to the other ceramic products, is based on the quantity and variety of possible decorations, colors and textures that can be explored.

Vibrant colors, matte/gloss finishes, metallic and iridescent lustrines – an infinite number of possibilities that transform base product into everything you want, including pieces of great added value. It is undoubtedly the preferred pulp for both decorative pieces and utility pieces.

Grés, estilo mineral • Stoneware, mineral style

O grés é um produto cerâmico de alto-fogo (+-1200ºC) cuja pasta que lhe dá origem é plástica por natureza que dará origem a um produto de dureza e densidade elevada, impermeável e de tom amarelado/acinzentado.

Os vidrados permitem obter resultados muito orgânicos, que permitem enfatizar o carácter mineral desta pasta, tanto pela cor como pela textura. Embora a fusiblidade que resulta das altas temperatura a que são submetidos durante a cozedura permita reações muito próprias, tradicionalmente, o leque de decorações possíveis é mais reduzido do que nos vidrados de menor temperatura, utilizados na produção de faiança, por exemplo.

Este conjunto de características fazem do grés uma solução óptima para loiça de hotel, uma vez que a baixa porosidade desta pasta após a cozedura assegura elevada resistência, respondendo eficazmente ao seu uso no forno e no congelador.

Stoneware is a high-quality ceramic product (+ -1200°C), the paste that gives it origin is plastic in nature which will give rise to a product of hardness and high density, impermeable and yellowish/grayish tone.

The glazes allow very organic results, which allow to emphasize the mineral character of this paste, both by color and texture. Although the fusibility resulting from the high temperatures to which they are subjected during burning allows very own reactions, traditionally the range of possible decorations is smaller than in the lower temperature glazes used in the production of earthenware, for example.

This set of characteristics makes stoneware an optimal solution for hotel dishes, since the low porosity of this paste after burning ensures high resistance, effectively responding to its use in the oven and in the freezer.

Porcelana, pureza e brancura • Porcelain, purity and whiteness

Partindo de argilas puras ou purificadas, de plasticidade baixa, a porcelana é, talvez, a “menina dos olhos de todos os produtos cerâmicos”: nobre, fina, translúcida, mas densa e impermeável, aproximando-se das características do próprio vidro. Para ser trabalhável, são necessários componentes de natureza plástica, que devem ser cuidadosamente adicionados de forma a não comprometam a cor branca da porcelana, que lhe é tão própria.

Uma pasta de alto-fogo, a porcelana é cozida a uma temperatura média que atinge os 1300ºC. Já a nível de acabamento, os vidrados da porcelana são bastante duros e resistentes e de acabamento brilhante. Habitualmente não apresentam coloração, já que o objetivo é, uma vez mais, preservar a brancura natural desta pasta.

Embora se encontrem peças decorativas em porcelana, a loiça de mesa é a maior força deste tipo de produto já que permite criar conjuntos de mesa de elevada durabilidade e sofisticação.

Starting from pure or purified clay, with low plasticity, porcelain is perhaps the “girl of the eyes of all ceramic products”: noble, thin, translucent, but dense and impermeable, approaching the characteristics of the glass itself. To be workable, plastic components are required, which must be carefully added so as not to compromise the white color of porcelain, which is so unique to it.

A high-fire ceramic paste, the porcelain is burned at an average temperature that reaches 1300ºC. At the level of surface, porcelain glazes are quite hard and resistant and have a glossy finish. Usually they do not present coloration, since the objective is, once again, to preserve the natural whiteness of this paste.

Although porcelain decorative pieces are found, tableware is the greatest strength of this type of product since it allows to create table sets of high durability and sophistication.

Qual o melhor tipo de cerâmica? Depende do objectivo • What is the best type of ceramics? Depends on the target

Entre diferenças e semelhanças, pode dizer-se que não existem produtos de boa ou má qualidade, mas sim, mais ou menos adequados ao objetivo final.

Pretende uma linha de mesa altamente resistente? Então, talvez a porcelana seja a mais adequada. Ou pretende algo para uso intensivo no seu forno? Então, o grés. Ou pretende algo para adicionar cor e carácter à sua mesa ou à sua casa? Aposte na faiança: nesta última estamos aqui para ajudar.

Between differences and similarities, it can be said that there are no products of good or poor quality, but more or less adequate to the final target.

Do you want a highly resistant table line? So maybe porcelain is the most appropriate. Or do you want something for intensive use in your oven? So the stoneware is the best. Or do you want something to add color and character to your table or your home? Bet on the earthenware: in this last one we are here to help you.

Fontes do texto/ Sources of the text: www.arfaiceramics.com; www.educalingo.com.

Fontes das imagens/ Sources of the pictures: www.fotografamos.com; www.oficinadaformiga.com; www.ceramirupe.com; www.costa-verde.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.